segunda-feira, 30 de junho de 2008

Treino Auditivo


Quem diria, á uma de madrugada duas doidas a fazer reabilitação auditiva no sossego da noite, deitadas na cama com a tv a assobiar palavras despidas de fingimento teatral. Fomos logo interceptadas pelos primeiros foguetes endiabrados, ouvia-se á distância e a bom som.

Primeira palavra dita “perna” já entra com bastante facilidade, a memória auditiva encontra-se enraizada, o mesmo se passou para com “sofá”, “rapariga”, “mão”, “televisão”, “eu vou dormir”, excepto “rádio” onde por norma compreendi “navio”!

Não foi mau.

Estou numa de “desfralde auditivo” – o processo de adaptação aliadas a descobertas sonoras para a maduração de palavras. Parece-me, que é desta, acomodei instantaneamente ao oitavo reajuste em menos de uma semana.

YUPIIII

1 comentário:

Telak disse...

bem..que sensações... nunca imaginei como seria sem conseguir ouvir pela primeira vez o som de uma cigarra ou o som do pisca-pisca... :)

uma amiga minha colocou a pouco tempo uma aparelho auditivo...e disse que nunca tinha ouvido o som do gás a sair do fogão.

***bacis**