quarta-feira, 2 de julho de 2008

Tecno-ciência

Neste novo reajuste, verificou-se um avanço nos agudos pois não se encontram bastante intensos, existindo entre eles uma suavidade na intangibilidade e esclarecimento auditivo, de certa forma acho agora mais equilibrado no embate de variadas vozes porém ainda “estaciono” nos graves.

Insisto em melhorar neste sentido metafórico, não sei se por agora com o Implante Coclear as frequências graves me soem diferente em comparação com a prótese auditiva, mas uma coisa é certa, na cirurgia quando colocaram o fio de eléctrodos na cóclea não perdi nenhum resíduo auditivo que me restava, caso contrário, hoje não estaria a escutar os graves.

Se isto durar, marco consulta na próxima quarta-feira em Lisboa para fazer uma melhoria do reajuste.

È a vantagem do Implante Coclear, haver versatilidade no software: 4 programas.

Sem comentários: