terça-feira, 28 de setembro de 2010

E Coimbra...

... sorriu no meu regresso, foi tudo tão cheio de sons, uma aventura em pêras de cumplicidades acima dos acontecimentos! (palavras em risco ao meio, adoptadas pela F, mãe de uma implantada). Às vezes não deixo de pensar, que ela até pode ter razão neste aspecto!

Mais pormenores, serão revelados adiante quando o cansaço sumir, pois hoje, estou de rastos.

Sem comentários: