terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Diálogos

(Photo de Adriane)

Na segunda-feira à tardinha, dentro do carro ruidoso embalavam quatro vozes, conseguia distingui-los, e pelo contexto da conversa pescando palavras soltas falavam de lombas na estrada, até decifrar um "ahhh, é verdade" paterno.

Anoitecera, já dentro do apartamento vestia um blusão e quando ouvi a minha irmã e mãe a conversarem entre si:

Irmã - Mãe!
Mãe - O que é?
Irmã - os meus fooooones???
Mãe - Não sei!

Ri-me baixinho, de sorriso atrás da orelha, fui ao quarto dela buscar os fones brancos pousados na secretária e lhe dei, vi dois olhos admirados a beijar nos meus. Deitei a língua fora, cúmplice e em jeito de brincadeira recebi abraços exaltados, abanões...


Sem comentários: